Polícia Federal realiza operação em Teixeira de Freitas


Uma operação da Polícia Federal (PF) cumpre sete mandados de prisão preventiva e 12 de condução coercitiva em Vitória da Conquista, Itororó e Teixeira de Freitas, além de cidades dos estados de São Paulo e Goiás e no Distrito Federal.

A ação, chamada de Lammer – alusão a crimes cibernéticos em que os acusados se acham acima do bem e do mal e acreditam que nunca serão pegos – é feita em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF). A Lammer visa reprimir crimes de fraudes bancárias cometidas pela internet. Segundo a PF, a maioria dos recursos desviados era destinada a pessoas de Vitória da Conquista.

A fraude era feita por meio de captura de dados cadastrais e senhas de acesso a sistemas de internet banking. Os acusados também invadiam contas bancárias, transferiam saldos para contas de laranjas, fazendo saques em seguida, ou ainda usavam valores desviados de contas para pagamentos de boletos bancários, taxas de licenciamento de veículos, contas de consumo (água, luz, telefone, tv a cabo, etc.), entre outras irregularidades.

Os investigados responderão pelos crimes de estelionato qualificado e constituição e integração de organização criminosa, previstos no artigo 171, § 3º, do Código Penal, e no artigo 2º da Lei 12.850/2013, com penas que, somadas chegam a mais de 14 anos de reclusão.

Fonte: Bahianoticias