Prado adere à programa de desenvolvimento rural‏


O município do Prado aderiu hoje ao Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar (Setaf) da região extremo sul da Bahia. Ao todo estão participando os treze municípios do baixo sul (Prado, Alcobaça, Caravelas, Nova Viçosa, Mucuri, Lajedão, Ibirapuã, Itanhém, Vereda, Medeiros Neto, Teixeira de Freitas, Itamaraju e Jucuruçu).
A Prefeita do Prado, Mayra Brito, ratificou a intenção de o município participar do projeto de desenvolvimento através do apoio às familias de pequenos agricultores rurais. “Estamos incluindo nosso município numa política pública que visa melhorar a qualidade técnica do que é produzido no campo, ao passo que procuramos melhorar as condições de vida de nosso povo”, argumenta.
mayra_assinando_termo_da_setaf
Para o Secretário de Desenvolvimento Rural da Bahia (SDR), Jerônimo Rodrigues, a meta é ampliar as oportunidades e a inclusao do homem do campo em mais políticas públicas. ““o SETAF é um serviço que nasceu da política do governo que enxerga o desenvolvimento de todo o estado, seja do baiano que vive na zona urbana, seja aqueles que vivem no meio rural. Por isso, o SETAF é concebido como instrumento que vai aproximar o governo dos agricultores, onde eles precisam”, disse.
mayra_no_setaf
De acordo com Maurício Xavier, o ‘Lindão’, (Secretário de Agricultura de Prado), “os pradenses vão contar com recursos na ordem de 21 milhões de reais, destinados às políticas públicas para a agricultura familiar e a inclusão produtiva. Esse dinheiro pode ser utilizado para investir em infraestrutura e técnica de produção”, conclui.